How to Spot a Communist

05.12.2013

“How to Spot a Communist” is a pamphlet prepared by the US First Army Headquarters in 1955 and reprinted in popular magazines in the 1950s. Here is an excerpt from this interesting document of the Cold War era that is available here:

In addition to these very general principles common to Communist tactics, a number of specific issues have been part of the Communist arsenal for a long period of time. These issues are raised not only by Communist appeals to the public, but also by the individual Party member or sympathizer who is a product of his Communist environment. They include: “McCarthyism,” violation of civil rights, racial or religious discrimination, immigration laws, anti-subversive legislation, any legislation concerning labor unions, the military budget, “peace.”

Perder as Cadeias, Ganhar o Mundo

04.12.2013

O pensamento fundamental que percorre o Manifesto [do Partido Comunista]: que a produção económica, e a articulação social que dela com necessidade decorre, de qualquer época histórica forma a base da história política e intelectual dessa época; que, consequentemente, toda a história (desde a dissolução da antiquíssima posse comum do solo) tem sido uma história de lutas de classes, lutas entre classes exploradas e exploradoras, dominadas e dominantes, em diversos estádios do desenvolvimento social; que esta luta, porém, atingiu agora um estádio em que a classe explorada e oprimida (o proletariado) já não se pode libertar da classe exploradora e opressora (a burguesia) sem simultaneamente libertar para sempre a sociedade toda da exploração, da opressão e das lutas de classes [...].

—Friedrich Engels, “Prefácio à Edição Alemã de 1883” in Karl Marx e Engels, Manifesto do Partido Comunista

Entre todo o movimento de libertação no seu conjunto, de um lado, e o movimento operário, de outro, existe a mais estreita e indissolúvel conexão.

V. I. LÉNINE, “A Vida Ensina”